segunda-feira, 2 de abril de 2012

Cecília Meireles - Poema


RIO NA SOMBRA



Som
frio.


Rio
sombrio.


O longo som
do rio
frio


O frio
bom
do longo rio.


Tão longe,
tão bom,
tão frio
o claro som
do rio
sombrio!




Imagem retirada da Internet: Rio Pelotas