domingo, 30 de outubro de 2011

Francisco Perna Filho - Poema


Foto by Satoshi

PEIXE


Nada me prende
a nada.
o peixe
tão solto
na água,
exatamente
só,
infelizmente
só,
sobrevivendo a
corredeiras,
redes
e anzóis.